terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Os 10 bancos que cobraram os juros mais altos em 2010

Os 10 bancos que cobraram os juros mais altos em 2010


As taxas de juros de empréstimo pessoal e cheque especial mantiveram uma relativa estabilidade ao longo do ano, informou a Fundação Procon de São Paulo (Procon-SP). O movimento, segundo a fundação, difere do registrado em 2009, quando as taxas de juros registraram queda durante o ano.

Taxa de juros de cheque especial:

1º. Safra: 12,30% de taxa média anual
2º. Santander: 9,54%
3º. Real**: 9,49%
4º. HSBC: 9,42%
5º. Itaú: 8,66%
6º. Unibanco**: 8,61%
7º. Bradesco: 8,32%
8º. Banco do Brasil: 7,79%
9º. Nossa Caixa*: 7,66%
10º. Caixa Econômica Federal: 7,02%

Taxa de juros de empréstimo pessoal:

1º. Itaú: 5,92% de taxa média anual
2º. Unibanco**: 5,88%
3º. Real**: 5,63%
4º. Santander: 5,63%
5º. Bradesco: 5,42%
6º. Safra: 5,40%
7º. Banco do Brasil: 4,90%
8º. HSBC: 4,69%
9º. Caixa Econômica Federal: 4,65%
10º. Nossa Caixa*: 4,51%

(*) A partir do mês de julho o Banco Nossa Caixa foi retirado da amostra, em função da incorporação de suas agências pelo Banco do Brasil, concluída em 25/06/10.
(**) A partir do mês de setembro o Banco Real e o Unibanco foram retirados da amostra, em função dos processos de incorporação ao Banco Santander e ao Banco Itaú, respectivamente.

Fonte: Procon e Época Negócios

sábado, 25 de dezembro de 2010

Colisão entre motos mata três e deixa uma pessoa em estado grave

Colisão entre motos mata três e deixa uma pessoa em estado grave


Uma colisão entre duas motos na rodovia PR-463, em Nova Esperança (a 45 quilômetros de Maringá), matou três pessoas e deixou uma em estado grave na madrugada deste sábado (25).

Os motociclistas José Marcos Matias, 36 anos, e Claudemir Fernandes de Souza, 32 anos, chegaram a ser socorridos com vida, mas foram a óbito no hospital.

As duas mulheres que estavam nas garupas das motos – Cleri Azevedo da Silva, 35 anos, e Leandra Oliveira da Silva, 26 anos – também foram socorridas em estado grave e encaminhadas ao Hospital Municipal de Nova Esperança.

Na manhã deste sábado as duas foram transferidas para Maringá. Leandra deu entrada no hospital Santa Rita por volta das 8h30 e pouco tempo depois foi a óbito. O nome do hospital para onde Cleri foi levada não foi divulgado, mas a informação era de que ela estaria na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Acidente

A Polícia Rodoviária Estadual (PRE) acredita que a moto Honda Titan (placas ATF-3270 de Nova Esperança), conduzida por Souza, invadiu a pista contrária e colidiu frontalmente com a Honda Falcon (placas AMB-3955 de Cianorte), que seguia sentido Nova Esperança a Uniflor.

Ainda de segundo a PRE, não chovia no momento do acidente, mas a pista estava molhada por conta da pancada de chuva ocorrida horas antes.

sábado, 11 de dezembro de 2010

Conheça a equipe de governo de Beto Richa

Airton Maron — APPA

Engenheiro civil, é funcionário da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina há 31 anos. Foi coordenador geral de Operações, chefe do Departamento de Operações, chefe da Divisão de Engenharia e do Departamento de Engenharia. De tradicional família parnanguara, tem 56 anos.


Cassio Taniguchi — PLANEJAMENTO

Engenheiro eletrônico formado pelo Instituto Tecnológico da Aeronáutica.

Um dos responsáveis pela implantação da Cidade Industrial de Curitiba nos anos 1970, foi diretor-presidente da Urbs, empresa de Urbanização de Curitiba, e presidente Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba. Nos anos de 1995/96 foi secretário de Estado do Planejamento. Foi prefeito de Curitiba por dois mandatos, entre 1997 e 2004. Natural de Paraguaçu Paulista (SP), tem 69 anos



Durval Amaral — CASA CIVIL

Natural de Londrina. Advogado, foi vereador e vice-prefeito de Cambé, chefe de Gabinete da Secretaria de Estado da Fazenda, consultor Técnico da Secretaria de Estado da Fazenda, secretário de Estado do Trabalho e Ação Social (1992 a 1994) e presidente do Conselho Estadual da Criança e Adolescente. Em 1990, foi eleito deputado estadual e, desde então, reeleito sucessivamente. Tem 51 anos.




Faisal Saleh — TURISMO

Empresário em Foz do Iguaçu, fundou o Instituto Polo Internacional Iguassu, que reúne instituições para fomentar a integração e o desenvolvimento da região da fronteira. Participou da criação e da direção do Conselho Municipal de Turismo de Foz do Iguaçu, do Iguassu Convention & Visitors Bureau, da Câmara de Comercio Paraguaio- Americana e do Centro de Importadores e Comerciantes Del Alto Paraná, entre outras insituições ligadas à integração e ao turismo. Nasceu em Ponta Grossa, tem 51 anos.




Fernanda Richa — FAMÍLIA E DESENVOLVIMENTO SOCIAL

Bacharel em Direito, presidiu a Fundação de Ação Social (FAS) de Curitiba (2005-2008 e 2009-2010), o Colegiado de Gestores Municipais de Assistência Social, o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, o Conselho Municipal da Assistência Social e o Conselho Deliberativo do Fundo Municipal de Apoio ao Deficiente (FAD). Foi vice-presidente do Conselho Municipal da Pessoa Idosa de Curitiba. Nasceu em Curitiba, tem 47 anos.



Fernando Ghignone — SANEPAR

Formado em Administração de Empresas pela Faculdade de Administração e Economia da Universidade Católica do Paraná. Foi Secretario da Cultura, Esporte e Turismo do Estado do Paraná (1983-1986), secretário de Atividades Sócio Culturais do Ministério da Cultura (1986). Presidente da Embrafilme S.A. (1987-1988) e secretário Municipal de Comunicação Social de Curitiba (2005). É diretor de Transportes da URBS S.A., em Curitiba. Natural de Curitiba, tem 60 anos.



Flávio Arns — EDUCAÇÃO

Vice-governador eleito, Flávio Arns é formado em Direito pela Universidade Federal do Paraná (UFPR) e em Letras pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC-PR). Mestre em Letras pela UFPR e Ph.D. em Lingüística, pela Universidade Northwestern, EUA. Foi eleito deputado federal em 1991, reelegeu-se em 1994 e 1998. Em 2002, elegeu-se senador e, no Senado, foi presidente da Comissão de Educação, Cultura e Esporte e da Subcomissão da Pessoa com Deficiência. Natural de Curitiba, tem 60 anos.



Ivan Bonilha — PGE

Advogado (UFPR 1989), mestre em Direito do Estado pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Foi conselheiro estadual da OAB/PR e membro consultor da Comissão de Assuntos Legislativos do Conselho Federal da OAB. Ex-Procurador Geral do Município de Curitiba, integrou o conselho do Instituto dos Advogados do Paraná e foi vice-presidente do Fórum dos Procuradores gerais das capitais. Natural de São Paulo (SP), tem 46 anos.





Jacson Carvalho Leite — CELEPAR

Administrador de empresas, foi secretário executivo e presidente do Conselho Estadual de Informática e Informações (CEI), presidente da Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais (Prodemge) e assessor para Assuntos Institucionais da Companhia de Informática do Paraná. É diretor-presidente do Instituto Curitiba de Informática (ICI). Nasceu em Foz do Iguaçu, tem 58 anos.


Jonel Nazareno Iurk — MEIO AMBIENTE

Natural de Ponta Grossa, é engenheiro civil, mestre em Ciência do Solo. Tem experiência na área de meio ambiente, com ênfase em conservação da natureza e desenvolvimento sustentado, atuando principalmente nos seguintes temas: ecoturismo, unidades de conservação, gestão ambiental e licenciamento ambiental. Foi superintendente do Ibama no Paraná entre 1995 e 1999. Tem diversos trabalhos técnicos sobre meio ambiente publicados. Tem 55 anos.



José Richa Filho — INFRAESTRUTURA E LOGÍSTICA

Engenheiro civil pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná, pós-graduado pela Sociedade Paranaense de Ensino e Informática. Foi diretor administrativo e financeiro do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), do Paraná e diretor administrativo-financeiro da Agência de Fomento do Paraná S.A. Foi secretário Municipal de Administração da Prefeitura de Curitiba. Natural de Londrina, tem 46 anos.



Lindolfo Zimmer — COPEL

Engenheiro mecânico e economista (UFPR), com pós-graduação em administração industrial, é servidor público concursado da Copel desde 1965. Foi diretor de Marketing (2000-2003), diretor de Operação (1995-1999), diretor de Engenharia e Construções (1979-1982), presidente do Comitê de Gestão da Copel Telecomunicações e Copel Transmissão, membro do Comitê de Gestão da Copel Geração e Copel Distribuição, gerente da Divisão de Manutenção Mecânica da Diretoria de Operação, gerente da Divisão de Engenharia Mecânica da Diretoria de Engenharia e Construção, entre outros cargos de gerência e direção na empresa. Natural de Canoinhas (SC), tem 68 anos.



Luiz Carlos Hauly — FAZENDA

Formado em Economia e Educação Física pela Universidade Estadual de Londrina, foi vereador e prefeito de Cambé, secretário de Estado da Fazenda (1987 a 1990) e presidente do Conselho de Administração do Banco do Estado do Paraná. Em 1991, foi eleito deputado federal e, desde então, reeleito sucessivamente. Natural de Cambé, tem 60 anos.



Luiz Eduardo Sebastiani — ADMINISTRAÇÃO

Economista graduado pela Universidade Federal do Paraná (UFPr), cursou mestrado em Teoria Econômica na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Servidor público estadual do Ipardes, desde 1981. Foi presidente do Conselho Regional de Economia do Paraná, representante do Paraná no Conselho Federal de Economia e diretor de Transporte da URBS. É secretário municipal de Finanças de Curitiba e preside a Associação Brasileira de Secretários de Finanças das Capitais (Abrasf) . Natural de Curitiba, tem 50 anos.



Luiz Tarcisio Mossato Pinto — IAP

Natural de Jacarezinho, desde 1984 é funcionário público de carreira do Instituto Ambiental do Paraná, onde trabalha na área de licenciamento e fiscalização ambiental na região do Norte Pioneiro. Coordenou os Estudos de Impacto Ambiental das usinas termelétricas de Figueira e Canoas 1 e 2. Contabilista, foi chefe do escritório regional do IAP em Jacarezinho Tem 44 anos.



Marcos Traad — DETRAN

Zootecnista, funcionário público do Estado desde 1984, mestre e doutor pela UFPR, professor universitário. Foi presidente da Codapar, diretor do Polo Regional de Pesquisa do Iapar e integrou grupo de Planejamento do Simepar. É presidente do Sindicato do Zootecnistas do Paraná e Diretor do Departamento de Pesquisa e Conservação da Fauna de Curitiba. Nasceu no Rio de Janeiro, tem 52 anos.


Mounir Chaowiche — COHAPAR

Natural de Joaquim Távora, Norte Pioneiro. Administrador de empresas com especialização em consultoria empresarial e gestão pública. Funcionário de carreira da Caixa Econômica Federal, onde foi gerente e superintendente em diversos municípios do Paraná. Presidiu a Companhia de Habitação Popular de Curitiba (Cohab), de 2006 a 2010. Tem 49 anos.



Michele Caputo Neto — SAÚDE

Farmacêutico, servidor público da Secretaria de Estado da Saúde desde 1985. Foi chefe de gabinete da Fundação Nacional de Saúde, chefe da Vigilância Sanitária Estadual, diretor geral do Centro de Medicamentos do Paraná e diretor dos Órgãos Produtores de Insumos e Imunobiológicos da Secretaria de Estado da Saúde. No Município de Curitiba, foi duas vezes Secretário Municipal de Saúde. É Secretário Municipal de Assuntos Metropolitanos. Natural de Maringá, tem 48 anos.





Norberto Anacleto Ortigara — AGRICULTURA E ABASTECIMENTO
Economista e técnico agrícola, desde 1979 é funcionário público de carreira da Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento, onde foi pesquisador, analista de mercado, diretor, diretor geral e secretário adjunto. Foi membro dos Conselhos de Administração da EMATER-PR, do CEASA-PR, da CLASPAR e da CODAPAR. Desde 2006, é secretário municipal do Abastecimento de Curitiba. Nasceu em Seberi (RS), tem 55 anos.



Omar Sabbag — LACTEC

Vereador em Curitiba. Engenheiro e Mestre em Engenharia da Construção Civil, é pesquisador e professor da UFPR. Foi pró-reitor de Administração e coordenador de Planejamento Institucional da UFPR, superintendente da Secretaria Municipal de Planejamento e secretário Municipal de Obras Públicas de Curitiba. É conselheiro do Instituto de Engenharia do Paraná. Nasceu em Curitiba, tem 57 anos.


Paulino Viapiana — CULTURA

Jornalista pós-graduado em Marketing. Foi diretor da sucursal de Brasília da revista Veja, secretário de redação do jornal Folha de S. Paulo, diretor de Comunicação e Relações Institucionais na TIM Celular Sul, coordenador de Marketing na Secretaria de Estado da Comunicação Social e assessor de Comunicação e Marketing da Telepar. É presidente da Fundação Cultural de Curitiba. Nasceu em Antônio Prado (RS), tem 50 anos.



Reinaldo de Almeida Cesar — SEGURANÇA PÚBLICA

Natural de Ponta Grossa, é delegado de Polícia Federal, bacharel em Direito, pós-graduado em segurança Pública. Presidente da Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal. Foi chefe da divisão de cooperação internacional da PF e responsável pelo escritório central da Interpol no Brasil. Trabalhou no Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República. Foi advogado e professor de Direito Penal na UFPR, chefe de Gabinete do Governador do Paraná e Secretário de Administração e Negócios Jurídicos da Prefeitura de Ponta Grossa. Tem 45 anos.



Ricardo Barros — INDÚSTRIA E COMÉRCIO

Engenheiro civil, foi prefeito de Maringá (1989-1993), vice-presidente da Federação das Indústrias do Estado do Paraná e membro do Conselho Superior de Infra-Estrutura da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo. Em 1994, foi eleito deputado federal e, desde então, reeleito sucessivamente. Em 2010, recebeu 2.190.539 votos para o Senado. Nasceu em Maringá, tem 51 anos.

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Sistema de cores definirá ordem de atendimento no HU de Maringá

A partir desta quarta-feira (10), o Pronto Socorro do Hospital Universitário Regional de Maringá não atenderá mais os pacientes pela ordem de chegada. Atendimento levará em conta a prioridade médica

O Hospital Universitário (HU) de Maringá vai alterar a forma de atendimento no Pronto-socorro a partir desta quarta-feira (1º). Desta data em diante, os pacientes serão atendidos conforme a gravidade da ocorrência e não mais pela ordem de chegada, como ocorre atualmente. Para determinar a gravidade de cada caso, os pacientes serão classificados pelo sistema de cores.

As mudanças foram explicadas para a imprensa numa entrevista coletiva realizada na manhã desta terça-feira (30) no HU. De acordo com o superintendente do hospital, José Carlos Amador, as alterações irão organizar o fluxo de pacientes. “A gente não vai correr o risco de ter paciente hipertenso aguardando consultas”, explicou na ocasião.

De acordo com a direção do HU, a classificação de risco será realizada por profissional treinado, que seguirá protocolo estabelecido pelo hospital. A gravidade dos casos será determinada pelas cores, vermelha (casos mais urgentes e de atendimento imediato), amarela, verde e azul (situações menos graves). Durante a coletiva de imprensa, a enfermeira encarregada do Pronto Socorro, Hellen Carla Ricki assegurou que, em média, o paciente que for classificado com a cor amarela deverá ser atendido em 20 minutos.

Projeto do Ministério da Saúde

A alteração faz parte do projeto “Acolhimento com Classificação de Risco” (ACCR), que está incluído na Política Nacional de Humanização (PNH) implementada pelo Ministério da Saúde. Segundo o chefe da Divisão de Atendimento do PS, Marinaldo José dos Santos, as mudanças no critério permite agilidade no atendimento e favorecimento para a reorganização do processo de trabalho. Ele ainda afirmou que o objetivo principal do acolhimento é permitir a classificação do paciente e não excluí-lo. “Por isso, a palavra triagem não se encaixa, porque ela é excludente”.

Capacitação

Para a adoção da metodologia, o hospital teve que capacitar seus profissionais ao longo deste ano, além de fazer a adaptação de salas e outros espaços físicos. Segundo a assessoria de imprensa da Universidade Estadual de Maringá (UEM), foram realizadas oficinas com servidores das áreas de enfermagem, nutrição, laboratório, lavanderia, higiene e limpeza, medicina, farmácia, serviço social, recepção, costura e da Assessoria Técnico Científica (ATC). Em MaringáHospital Municipal. os o ACCR já foi implantado no

————————————————————————————————————
Cores utilizadas para a classificação de risco

- A cor vermelha indica risco altíssimo, com necessidade de atendimento imediato

- A cor amarela significa urgência, e demanda atendimento mais rápido. Atendimento previsto em até 20 minutos

- A cor verde indica casos de menor urgência, que podem aguardar atendimento. Atendimento previsto em até duas horas

- A cor azul é para pacientes sem urgência e que podem ser atendidos em unidades básicas de saúde. Atendimento previsto em até quatro horas

(Gazeta Maringá)

domingo, 28 de novembro de 2010

Prefeito retira benefícios de servidores

Será votado na sessão de amanhã da Câmara Municipal de Paranavaí o projeto de emenda à Lei Orgânica do Município que põe fim a alguns benefícios dos servidores públicos, como o fim da licença-prêmio de 40 dias, auxílio-transporte, auxílio-refeição, auxílio-creche e auxílio-saúde, entre outros. A iniciativa do prefeito Rogério Lorenzetti já se anuncia como a polêmica da semana naquela cidade. Leia mais no Portal Caiuá.

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Beto enfrenta transição complicada

Beto enfrenta transição complicada“Talvez, como ocorreu na Argentina, fosse o caso de antecipar a posse do novo governador para evitar que o Paraná acabe”. A frase é do ex-governador Roberto Requião, comentando a performance do sucessor e ex-vice-governador, Orlando Pessuti, a frente do governo do Estado.

Requião remete ao episódio em que o ex-presidente argentino Raul Alfonsin, da União Cívica Radical, abalado pela hiperinflação, pelo desgaste político provocado pela anistia aos crimes políticos da ditadura, não viu alternativa que passar o poder seis meses antes do previsto a Carlos Menem, da ala direita do peronismo.

A tirada do ex-governador poderia parecer apenas mais uma alfinetada ácida no sucessor, que vem se empenhando em uma rancorosa campanha para desmerecer seu governo, eliminar todos os assessores mais fiéis e colocar em dúvida o seu legado.

Mas uma leitura mais cuidadosa da conjuntura política paranaense sugere que a estocada de Requião sobre Pessuti é mais fundamentada e menos leviana que pode parecer à primeira vista.
Na reta final de seu curto mandato, iniciado no simbólico primeiro de abril, e com data marcada para terminar em 31 de dezembro (daqui a meros 52 dias, portanto), Pessuti se entregou a uma orgia administrativa, a uma fúria legiferante cada vez mais difícil de entender dentro de um conceito de normalidade e lisura.
O novo Pessuti passou por cima da figura do homem cordial que sempre cultivou para começar a criar transtornos de toda natureza para o processo de transição, dificultando o trabalho dos assessores do governador eleito, o tucano Beto Richa.

Além de dificultar, a pretextos diversos, que os assessores do futuro governador tomem pé da situação do governo, Pessuti passou a enviar uma avalanche de projetos para a Assembléia, quase todos gerando despesas e comprometendo receitas do futuro governo.

Mais grave ainda, as iniciativas de Pessuti, todas elas, envolvem pesadas quantias em dinheiro ou se movem em direção aos cofres de entidades ligadas ao governo do Estado.
Dias atrás se falava na eminência da degola de conselheiros da Sanepar que, além de ligações com o ex-governador Roberto Requião, eram contrários ao pagamento de imediato de dívidas milionárias e duvidosas contraídas junto a poderosas empreiteiras.

Pessuti também se movimentou para lançar mão de recursos da ordem de quase meio bilhão de reais que estão nos cofres da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina.
O governador eleito, Beto Richa, parece surpreendido com a forma pouco republicana que está se dando a transição e, mais ainda, com a voracidade com que Pessuti se movimenta em direção aos recursos financeiros do Estado no apagar das luzes de seu governo.

Em lugar de uma transição pacífica e civilizada, conforme se antevia com a saída de Requião e a assunção de Pessuti, o que se vê é uma frenética articulação política nos bastidores para que Pessuti não comprometa a futura administração com movimentações temerárias quando não claramente suspeitas.

O próprio Beto Richa, que se vê forçado a enfrentar um Pessuti transfigurado, de homem cordial em figura com um lado sinistro, tem problemas a resolver em suas próprias fileiras.

Beto terá maioria na Assembléia e poderá colocar na Presidência o deputado que melhor lhe convier. O nome que tem ocupado as rodas políticas, por enquanto, é o do deputado tucano Valdir Rossoni.
O problema é que Rossoni participou da Mesa da Assembléia - aquela que sofreu uma espécie de derretimento moral sob o fogo da série de reportagens da Gazeta do Povo/RPCTV intitulada “Diários Secretos”. O próprio Rossoni saiu chamuscado daquele episódio.

Pior ainda é o caso do deputado Durval Amaral, do DEM. Na bolsa de apostas do secretariado de Beto, Durval aparece para ocupar a Secretaria da Fazenda e, como tal, será o homem que deverá desenredar a maçaroca de imbróglios confusos e suspeitos deixados por Pessuti.

Amaral, porém, foi envolvido num depoimento explosivo pelo doleiro Alberto Youssef no escândalo da Olvepar, ocorrido em 2002, durante o governo de Jaime Lerner. Segundo esse depoimento, o deputado, que era líder do governo na Assembléia, teria recebido dinheiro vivo numa caixa de sapatos para silenciar sobre o caso.

Premido entre Pessuti e aliados com passado complicado, o governador eleito está enfrentando uma transição bem mais complicada que esperava.
Postado por horahnew

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

NOVA ESPERANÇA - GOVERNO DO ESTADO LIBERA RECURSOS PARA PAVIMENTAÇÃO ASFALTICA DO CONJUNTO RESIDENCIAL REQUIÃO II E VILA REGINA

fonte:JORNAL NOROESTE

Através de Convenio firmado entre o município de Nova Esperança e a SEDU, foi liberada a realização de licitação para contratação de empresa para execução de pavimentação asfaltica em CBUQ (concreto betuminoso usinado à quente) no conjunto residencial Requião II e a conclusão da pavimentação da Vila Regina.
Para a execução dos serviços de Conjunto Requião II, que inclui galerias, pavimentação, meio fio e calçadas, foi liberado o crédito de R$ 766.744,71 (setecentos e sessenta e seis mil, setecentos e quarenta e quatro reais e setenta e um centavos), enquanto que para os serviços a serem realizados na Vila Regina o crédito liberado foi de R$ 1.017,530,17 (um milhão, dezessete mil, quinhentos e trinta reais e dezessete centavos), que se destina a pavimentação, calçadas e meio fio, contemplando as 8 (oito) ruas que ainda faltam para completar o asfaltamento de toda esta Vila.
Estas obras atenderão ao antigo anseio dos moradores da Vila Regina, que há décadas aguardam estas benfeitorias que virão trazer valorização a seus imóveis e melhoria na sua qualidade de vida, assim como já aconteceu com a parte já asfaltada desta Vila.
Já os moradores do Conjunto Requião II, que vem sofrendo há muito tempo com a falta do asfalto e viram seus sonhos frustrados em 2008, com a paralisação da obra logo após ser iniciada, finalmente poderão ver seus sonhos realizados e desfrutar num futuro próximo dos benefícios trazidos pela pavimentação das ruas onde moram.
A prefeita Maly Benatti (PMDB) se declarou muito feliz com a conquista e disse estar assim podendo cumprir mais um dos compromissos assumidos com a população.
A previsão para o início das obras é de aproximadamente 90 (dias), período necessário para a realização da licitação, homologação e contratação da empresa vencedora do certame, que irá realizar os serviços.

Gerenciamento do lixo em Nova Esperança rende prêmio para prefeita

Maly Benatti vai receber no Rio de Janeiro o reconhecimento Top Prefeitos 2010, sobre sustentabilidade urbana. Atualmente o município realiza um amplo trabalho de coleta e destinação final dos resíduos urbanos, além do controle da erosão.

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

PT e aliados se reúnem para iniciar campanha de Dilma no PR

Ato político na noite de quinta-feira reuniu lideranças do PT e seus aliados no Estado para marcar a retomada da campanha de Dilma Rousseff no Paraná para esse segundo turno. Estiveram no encontro o governador Orlando Pessuti (PMDB), da senadora eleita Gleisi Hoffmann (PT), o senador Osmar Dias (PDT), de deputados eleitos e reeleitos, prefeitos e coordenadores das
campanhas.

O presidente do PT do Paraná, e coordenador da campanha de Dilma Rousseff no Estado, Enio Verri destacou que o ato foi o pontapé público desta campanha para encaminhar algumas estratégias básicas para garantir a continuidade do projeto nacional. Segundo Enio Verri ver todos
engajados nesta luta já é uma conquista.

“Ganhamos em 308 municípios, só perdemos em apenas 91. A companheira Dilma, venceu em 240 muncípios e Serra em 159. Por tanto no Paraná o trabalho que foi feito, pelos deputados, prefeitos, presidentes de partido, nossa militância merece nota dez”, disse Pessuti.

Gleisi Hoffmann agradeceu o apoio do governador e fez homenagem ao senador Osmar Dias.
Osmar afirmou que é a primeira vez que conversa e participa de uma reunião depois da campanha. O senador disse ter participado deste encontro por lealdade aos companheiros e companheiras que colocaram o coração na campanha. “O que o Lula fez por mim, nem um irmão fez. O que está em jogo não é minha vaidade pessoal, por que que nunca a tive, o que continua em jogo, é um projeto de Paraná que infelizmente por pouco não chegamos, mais pelo projeto Brasil, porque nós não nos
unimos só pelo Paraná, nos unimos pelo Brasil e vamos lutar até o fim para dar a vitória a Dilma, que é a vitória do povo brasileiro que ganhou muito do Lula”, concluiu.

domingo, 3 de outubro de 2010

MALY BENATTI E GRUPO MOSTRA A FORÇA NA CIDADE

PREFEITA DE NOVA ESPERANÇA MOSTRA A FORÇA QUE TEM ..E FAZ OSMAR DIAS O MAIS VOTADO DA CIDADE

O PMDB de Nova Esperança em parceria com o PT fizeram a campanha do entao candidato Osmar Dias, liderados pela Prefeita Municipal Maly Benatti e seu vice Edgmar Moser Junior (PMDB)e vereadora Vera do PT , fizeram entao que Osmar Dias fosse o mais votado da cidade com 7.580 50,01%, enquanto o oponente BETO RICHA que foi eleito Governador teve 7431 49.03.
Isto mostra que o grupo da Prefeita tem influencia em Nova Esperança. E que em 2012 vem com força total para eleger seu sucessor.

Homem de 35 anos é esfaqueado em Nova Esperança

Um homem de 35 anos foi esfaqueado por volta das 3 horas de domingo (3) na Avenida São José, no Centro de Nova Esperança (a 47 quilômetros de Maringá).
Vagner Sabatini e a namorada saíam de um baile quando foram abordados por um homem, armado com uma faca. O bandido anunciou o assalto e exigiu a carteira de Sabatini, que teria reagido. O bandido desferiu dois golpes de faca contra a vítima, nas costas e no braço.
Sabatini foi encaminhado para o Hospital Municipal com ferimentos superficiais. Quando a Polícia Militar chegou ao local, o autor do crime já havia fugido. Ninguém foi preso.

quinta-feira, 30 de setembro de 2010

“Coerência” de ocasião

O candidato do PSDB, Beto Richa, tem repetido à exaustão durante toda a campanha, e no último debate não foi diferente, críticas ácidas ao adversário Osmar Dias (PDT), por conta de sua aliança com o PMDB e o PT nesta eleição. Ao fazer isso, o tucano, mais uma vez, joga com a suposta falta de memória ou desinformação do eleitorado. Afinal, é de conhecimento público que até o fechamento do prazo para as convenções que definiram candidatos e coligações, Richa lutou até o último momento para ter o apoio do PMDB. Chegou inclusive a citar o deputado estadual e primeiro-secretário da Assembleia Legislativa, Alexandre Curi (PMDB), como um possível nome para seu candidato a vice-governador. E completava a justificativa lembrando que sempre teve boas relações com o PMDB, e que seu pai, José Richa, ajudou a fundar o antigo MDB – ao lado de Osmar, Requião e Alvaro Dias – aliás, fato que ele não cita. Então, afinal, se PMDB seria um bom aliado para Richa, porque não serve para Osmar Dias?

Outra crítica recorrente do tucano a Osmar é em relação a aproximação do pedetista com o PT do presidente Lula. Richa só esquece que seu atual vice, Flávio Arns, foi eleito senador pelo PT em 2002. E disputou o governo pelo mesmo partido na eleição passada, de 2006. Isso sem falar que o candidato ao Senado da chapa tucana, Ricardo Barros, é até hoje vice-líder do governo Lula na Câmara Federal.

A confusão de Richa nesta campanha também pode ser verificada no vai e vem do candidato quando o assunto envolve os governos Lula e Requião. O candidato do PSDB critica o governo federal, mas expõe na propaganda as obras realizadas em Curitiba com recursos de Brasília. E não só elogia como anuncia que pretende ampliar os programas sociais do presidente no Estado. O mesmo acontece em relação a Requião. Richa acusa Osmar de representar o continuísmo, e se coloca ele mesmo como o candidato de oposição, da “mudança”, do “novo”. Mas ao mesmo tempo elogia e promete manter ou ampliar os programas sociais de Requião

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Cerco de Richa às pesquisas é destaque do Jornal

O Jornal Nacional deu hoje destaque ao “apagão das pesquisas” no Paraná provocado pelo candidato do PSDB, Beto Richa. A reportagem lembrou que o tucano não questionou os levantamentos anteriores, dos mesmos institutos, e com as mesmas metodologias que ele agora diz serem irregulares, e que antes o colocavam à frente nas intenções de voto para o governo. O JN exibiu ainda depoimentos de dirigentes da OAB, e nota da Associação Nacional dos Jornais, condenando a ação do tucano, e a ameaça ao direito de informação.

domingo, 26 de setembro de 2010

Tribunal Superior Eleitoral (TSE) apresentou nova representaçao contra BETO RICHA

O candidato ao governo Beto Richa (PSDB) e sua coligação foram novamente punidos pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Dessa vez, a multa foi por desobediência à ordem do TRE que proibia a divulgação de uma suposta pesquisa eleitoral que mostraria Beto Richa à frente de Osmar Dias, candidato do PDT ao governo. A multa é de R$ 300 mil.

Na cidade de Dois Vizinhos, a campanha de Richa voltou a anunciar a pesquisa clandestina. Um carro de som, em nome da candidata a deputada estadual Rose Litro (PSDB), da coligação de Beto Richa, trazia mensagem com os falsos números, agindo contrariamente à decisão do TRE.

Esta é a segunda vez que Richa e sua coligação são punidos por divulgar pesquisa clandestina. Na última semana, a coligação tucana enviou e-mails (pelo domínio oficial, @betoricha.com.br) afirmando que “pesquisas internas” mostravam que Richa estaria à frente de Osmar na disputa eleitoral.

Na quinta-feira, o juiz auxiliar do TRE Juan Daniel Pereira Sobreiro determinou que as informações não fossem divulgadas. A campanha do PSDB foi obrigada a enviar, também por e-mail, textos com a decisão do TRE. Em caso de descumprimento da ordem judicial, seriam multados em R$ 300 mil. Foi o que aconteceu.

A nova decisão do TRE foi divulgada neste domingo. Em caso de outra desobediência, a multa será de R$ 500 mil.

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Tom agressivo no rádio demonstra “jogo de pressão” e “angústia”

Programa Eleitoral Gratuito no rádio teve nuances mais agressivas hoje. A coligação de Beto Richa (PSDB) resolveu bater em assuntos polêmicos na história política do Paraná, como o caso Ferreirinha (personagem que apareceu na campanha entre José Carlos Martinez e Roberto Requião para reduzir a credibilidade do candidato que era ligado a Fernando Collor de Mello, então PRN), a passagem de avião comprada para a filha de Osmar Dias (PDT) ir para Buenos Aires e o caso da fazenda comprada por Osmar no Tocantins e criticada na eleição de 2006 por Requião.

O tom áspero pegou até mesmo o deputado federal Gustavo Fruet (PSDB) de surpresa. “A campanha de rádio normalmente é mais agressiva, isso já é rotina. Vamos aguardar os reflexos da propaganda de rádio para sabermos se a coligação deveria ter se posicionado tão bruscamente. Final de campanha é assim. Existe muita angústia e jogo de pressão”, avaliou. Fruet é candidato ao Senado pelo PSDB.

domingo, 19 de setembro de 2010

Doses coloridas de ensinamento

Fonte: O DIARIO DO NORTE

Quando criança, Maria Cristina Vieira se comunicava com uma das primas somente por versos.

Mais de 30 anos depois, o mesmo estilo literário é o recurso que conduz histórias infantis povoadas por simpáticos personagens que retratam situações do universo da saúde, ambiente de rotina diária da pedagoga e técnica de enfermagem há 13 anos.

O trabalho artístico de Maria Cristina teve início com pinturas em alas pediátricas de hospitais em Maringá.

Antes disso, as tentativas de alegrar os pacientes e contribuir para a humanização do ambiente hospitalar incluíam desenhos nas fitas crepes que prendem as agulhas para aplicação de soro ou remédios nos punhos dos pacientes, nos cordões para bexigas feitos do mesmo material e no sorriso sempre disponível e bem-vindo onde a dor está instalada.

"No começo era difícil lidar com o sofrimento do paciente e as exigências da função", diz.

O amparo encontrado na arte, que no primeiro momento se manifestou apenas na pintura, passou a ganhar a companhia dos versos com a poesia "A Janela", escrita em 2004.

Da copa do hospital em que trabalhava, Maria Cristina observava um rapaz na porta da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) chorando pela esposa que havia morrido.

"Eu estava recém-separada e me dei conta do que realmente era motivo para sofrimento. Minha dor não era nada", afirma.

As histórias da artista plástica combinam experiências do trabalho com orientações de cuidados com a saúde.

"Paixão pela Lua", por exemplo, aborda a necessidade de respeitar o tempo para que o organismo vença a doença. Em "Jardim Encantado", o tema é o câncer e a importância do apoio de amigos e familiares para enfrentá-lo.

A história que ensina o socorro correto a uma suspeita de lesão na medula foi inspirada por um caso atendido no hospital em que trabalhava. O jovem estava participando da festa em comemoração à formatura do primo e foi jogado na piscina.

Na queda, fraturou a coluna cervical e foi socorrido pelos parentes, mas ficou paraplégico. Na história que escreveu inspirada por essa fatalidade, Cristina garante ao personagem um socorro adequado feito por profissionais, com direito até a colar cervical durante o transporte até o hospital.

"A imaginação pode tudo, mas tem de ensinar o que é correto", acredita.

Maria Cristina quer publicar livros com as histórias em um futuro próximo. Enquanto esse dia não chega, ela vai refinando o talento que pretende estampar em páginas coloridas, produzindo peças artesanais com os personagens que criou. Camisetas, puxadores de armários e gavetas, quebra-cabeças e saboneiteiras são criações recentes.

Uma das intenções é centralizar em um único personagem a abordagem dos diversos temas sociais e de saúde que são a essência de sua arte, como doação de órgãos, obesidade, violência doméstica, trabalho escravo infantil, entre outros.

A nobre missão deverá ser cumprida por um personagem deficiente já escolhido. "Ele é especial", diz ela. O talento também.

sábado, 18 de setembro de 2010

GLEISI E REQUIAO TECNICAMENTE EMPATADOS

A petista Gleisi Hoffman (PT) cresceu três pontos e empatou em primeiro lugar com Roberto Requião (PMDB) na disputa por duas vagas paranaenses no Senado segundo pesquisa Datafolha. Em levantamento divulgado neste sábado pelo jornal Folha de s.Paulo e feito nos dias 13 e 14 de setembro, Requião e Gleisi têm 44% das intenções de voto cada um. No final de julho, Requião tinha 50%, e Gleisi, 28%. Na semana passada, a vantagem do ex-governador era de três pontos: 44% a 41%.

Gustavo Fruet (PSDB) continua em terceiro lugar, com 21%, e Ricardo Barros (PP) está em quarto, com 18%. A margem de erro da pesquisa é de três pontos percentuais, para mais ou para menos. Brancos e nulos para uma das vagas somam 7%, e 3% para as duas. Estão indecisos com relação a um dos votos 35%, e 19% não ainda não decidiram nenhum dos votos.

Se considerados apenas os votos válidos, Requião e Gleisi teriam 32% cada um, Fruet teria 16%, e Ricardo Barros, 13%.

Encomendada pela Folha de S. Paulo e pela Rede Globo, a pesquisa foi realizada entre os dias 13 e 14 de setembro, com 1.246 eleitores em 47 municípios do Estado do Paraná e registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em 10 de setembro de 2010, sob o número 30034/2010.

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

OSMAR DIAS VISITA NOVA ESPERANÇA




Fonte: blog Intensidade
FOTOS: Carlos Roberto

Na tarde da quarta-feira 15 de setembro de 2010 o candidato a Governador do Paraná Osmar Dias com uma comitiva reunindo Deputados Federais e Estaduais estiveram em Nova Esperança. A Prefeita Maly Benatti juntamente com prefeitos e lideranças e sua equipe de campanha de nossa cidade recepcionaram o candidato na entrada da cidade.
Prefeitos como Mario Iamamoto de Paranacity, Antonio Zanchetti de Uniflor, Fernando Brambilia de Santa Fé, Tânia ex-prefeita de Lobato,
Para a veterinária Juliana Moser, Osmar é a melhor opção porque tem história, conhece a região e sempre trabalhou para os agricultores.
“Ele entende da agricultura como ninguém, mas mais do que isso, conhece nossa região e sempre soube o caminho, não apenas agora na eleição. Osmar se preocupa com os mais carentes, em dar condições para que os pequenos agricultores não saiam do campo. Ele conhece a região e sempre soube o caminho, não apenas agora na eleição”, disse a veterinária de Nova Esperança Juliana Moser, quando Osmar Dias passou em carreata pela cidade, nesta terça.
“Conheço o trabalho do Osmar e tenho certeza que, neste momento, ele é melhor para o Paraná. Estamos indo nos bairros, conversando com a população e mostrando a importância de se votar no Osmar”, frisou a ex-prefeita da Lobato Tânia Martins Costa.
Também participaram da carreata a prefeita Maria Ângela Silveira Benatti (PMDB), o candidato ao Senado, Roberto Requião (PMDB), e os candidatos a Deputado Federal Odílio Balbinotti (PMDB) e Edmar Arruda (PSC), e a Estadual Ênio Verri, Sidnei Teles (PSC) e Luiz Claudio Romaneli (PMDB).
Mais de 300 carros quase 2500 pessoas acompanharam a carreata da virada de Osmar Dias em Nova Esperança, nesta quarta-feira (15). Recebido com abraços, acenos e gritos de “já ganhou”, o candidato ao governo agradeceu o empenho de todos que estão trabalhando para concretizar sua vitória nas eleições.
“Em breve vamos trocar de música. Ao invés do ‘Pó Votá’, vamos cantar o ‘Vira, Vira, Virou’ e devo isso a vocês, que estão trabalhando, levando nossas propostas ao governo para suas comunidades e angariando votos para fazer um Paraná cada vez melhor”, disse Osmar.
Um dos pontos que merece destaque em nossa matéria foi a presença da força jovem de Nova Esperança, a participação política dos jovens é de vital importância p a consolidação da democracia e do desenvolvimento social e econômico do Brasil.
Votar só não basta, é preciso participar ativamente.

E QUINTA-FEIRA 16/09 ÁS 20H AO LADO DA PREFEITURA DE NOVA ESPERANÇA GRANDE COMICIO DA COLIGAÇÃO “A UNIÃO FAZ UM NOVO AMANHÔ.

terça-feira, 14 de setembro de 2010

OSMAR DIAS EM NOVA ESPERANÇA


O candidato a Governador do Paraná Osmar Dias (PDT 12), estara em Nova Esperança na tarde da proxima quarta feira (15/09/2010) ás 14h partindo da Praça da Prefeitura em caminhada pelas ruas e avenidas da nossa cidade. Osmar Dias que vem crescendo nas pesquisas, estara visitando Nova Esperança acompanhado de lideranças locais e regionais. Osmar Dias tem o apoio da Prefeita Municipal Maly Benatti ( PMDB) e do ex prefeito Gerson Zanusso ( PDT).

Informação retirada do blog INTENSIDADE e editada por Carlos Roberto

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Professores “laranjas podres” azedam campanha

O comentário do candidato ao governo do Estado Beto Richa (PSDB) de que alguns professores seriam “laranjas podres” foi repercutido pelo seu principal adversário na disputa, o senador Osmar Dias (PDT).

Em campanha por Apucarana na semana passada, Beto concedeu entrevista ao jornal local Tribuna do Norte, na qual o candidato disse que o Paraná não precisa desse tipo de pessoas, os “laranjas podres”, referindo-se a um movimento que circula pela internet e mensagens que foram disparados com críticas a ele e pedidos de apoio ao candidato do PDT, feito por alguns integrantes da categoria.

Segundo declaração de Beto, essas mensagens estariam sendo distribuídas inclusive por alguns chefes de núcleos regionais de educação.””Não precisamos de professores como esses, que estão denegrindo a imagem da categoria. São ‘laranjas podres’ que não vão contaminar os demais professores. Vamos trocar esses chefes de núcleo que agem dessa forma porque têm medo de perder o emprego”, defendeu-se Beto durante a entrevista.

Para Osmar Dias, o comentário do candidato do PSDB foi considerado imaturo, conforme discursou ontem na sua passagem pelo município de Cambé. “Quem chama professor de laranja podre não merece o respeito das nossas crianças, nas nossas mães e das nossas famílias”, reagiu.

Otimista com o apoio de membros da categoria, Osmar disse ainda acreditar que “ventos estão soprando a favor da nossa candidatura”. Osmar aproveitou a deixa e fez mais uma crítica à candidatura adversária.

“Estamos unindo as pessoas que não querem ver o Estado entregue de novo nas mãos de meia dúzia de tubarões que querem lucrar com o suor dos trabalhadores”, atacou.

PR OnLine

domingo, 12 de setembro de 2010

ENQUETES

Estamos na reta final das eleições e queremos saber a opniao dos nossos leitores.
As Perguntas sao:

- EM QUEM VOCE VOTARA PARA SENADOR?

- EM QUEM VOCÊ VOTARA PARA GOVERNADOR?

- EM QUEM VOÊ VOTARA PARA PRESIDENTE?

Vote na nossa enquete sua opniao é muito importante.

sábado, 11 de setembro de 2010

ESTOU VOLTANDO

Peço desculpas a todos os leitores deste blog, estava em um novo processo de adaptação , mudando de trabalho me adaptando a nova maneira... Agora é amarelinha todo dia ( Viação Garcia), estou trabalhando em Maringá com isso o tempo ficou um pouco curto. Estou por dentro de tudo que esta acontecendo em Nova Esperança e mesmo nao escrevendo tenho minha opniao.
Algumas coisas que aconteceram nesse tempo:

- Dia da Paralisação dos Funcionarios Municipais
- Corte nas insalubridades
- Pintura do Prédio do NIS com doações ( chega ser engraçado isso)
- Maly Benatti e Gerson Zanusso apoiam Osmar Dias
- Nova Esperança tem PEDRO RADADE candidato a Deputado Federal
- Entrada da cidade ( os matos estao tomando conta, da linda entrada da cidade)
- Muro da Sanepar( a obra parou?)


VOLTO MAIS AFIADO DO QUE NUNCA !

sábado, 24 de julho de 2010

ELEIÇÃO 2010



Na tarde deste ultimo sabado (24/07/2010) o candidato a Presidente José Serra e o candidato a Governador do Paraná Beto Richa ambos do PSDB estiveram em passagem por Nova Esperança falando com a população, e seus correligionarios, uma grande de numero de pessoas puderam ouvir atentos as palavras de José Serra, que enfatizou que se eleito estara trabalhando com grande dinamismo e força por uma melhor Saúde, Educação, Segurança, Agricultura Familiar, entre outros pontos por ele levantados.
Serra deu enfase no quesito Educação fazendo compromisso dec riar o Programa do Ensino Técnico (Protec), com 1 milhão de vagas em quatro anos. Segundo Jose Serra "é vital para o desenvolvimento do Brasil e para o aprimoramento profissional dos jovens". Ele salientou que o ensino técnico além de preparar o jovem para o mercado de trabalho, lhe dá condições de escolher melhor a carreira a seguir.
Serra iniciou com duas horas de atraso a visita ao noroeste do Paraná, passou por Paranavai, Alto Parana e em seguida veio a Nova Esperança, em seguida Serra foi a inauguração de um comitê e visita a uma feira em Maringá. Esta é a terceira visita do tucano ao Estado este mes. O atraso, segundo sua assessoria, ocorreu porque ele viajou a Colombo, região metropolitana de Curitiba, para gravar cenas do programa eleitoral. A gravação foi feita em propriedades que exercem a agricultura familiar.

quarta-feira, 21 de julho de 2010

ELEIÇÕES - Beto Richa visita 29 cidades do Noroeste de amanhã à sexta

Fonte: Blog do ZEH
O candidato a governador Beto Richa fica na região Noroeste de quarta à sexta-feira, quando visita 29 cidades. Ele chega em Paranavaí nesta quarta-feira às 9h e ainda no aeroporto recebe a imprensa. Beto Richa deve estar acompanhado do seu candidato a vice, o senador Flávio Arns e por vários candidatos nas eleições de 3 de outubro.

De acordo com a agenda de Beto Richa, na sexta-feira, 23, o candidato ao governo do Paraná visitará às 16h30 - Nova Esperança e às 17h30 - Alto Paraná.

terça-feira, 20 de julho de 2010

Filho da atriz Cissa Guimarães morre atropelado no Rio


Rafael Mascarenhas foi atropelado em túnel interditado.
Ele foi levado com vida para hospital mas não resistiu aos ferimentos.

Rafael Mascarenhas, de 18 anos, filho da atriz da TV Globo Cissa Guimarães com o músico Raul Mascarenhas, morreu atropelado nesta terça-feira (20). A informação foi confirmada pela secretaria municipal de Saúde do Rio. Segundo Bombeiros da Gávea, que socorreram o rapaz por volta de 1h50, ele foi atropelado por um motorista que trafegava no Túnel Acústico, na Gávea, Zona Sul, na pista sentido Gávea.

De acordo com Bombeiros, ele ainda foi levado com vida para o hospital Miguel Couto, no Leblon, também na Zona Sul. De acordo com a Secretaria, o jovem chegou à unidade com politraumatismos na cabeça, no tórax, nos braços e nas pernas. Rafael chegou a ser operado, mas faleceu por volta de 8h desta terça.

De acordo com a 15ª DP (Gávea), que investiga o caso, Rafael estava andando de skate no túnel, que estava interditado para manutenção. A polícia faz buscas pelo motorista que teria atropelado o jovem. De acordo com a polícia, dois carros estariam dentro do túnel na hora do atropelamento.

Segundo a CET-Rio, a pista ficou fechada ao tráfego de 1h10 às 4h10. Os motoristas que estavam no túnel não teriam furado o bloqueio da via. A companhia informou que dentro do túnel há uma passagem usada somente em casos de emergência, e que os motoristas dos veículos teriam usado esse local. O jovem foi atropelado, de acordo com a CET-Rio, já na descida do túnel.

Orlando Pessuti nao apoia Requião.

Fonte : – Rádio CBN de Curitiba

O governador Orlando Pessuti (PMDB) confirmou nesta segunda-feira (19), que não vai apoiar a candidatura de seu antecessor, Roberto Requião (PMDB), ao Senado.

“Estou comprometido 100% com a campanha do Osmar para o governo e da Gleisi ao Senado”, disse. A fala deixa claro seu descontentamento com as provocações de Requião e o racha entre os dois, que por muito tempo foram ligados.

“Nossa relação está do jeito que está. Nos últimos meses não temos conversado pessoalmente. Cada um está levando a vida do jeito que acha mais conveniente”, afirmou.

A irritação de Requião com seu antecessor começou logo que ele assumiu o cargo. Pessuti demitiu secretários que estavam desde o início do governo, em 2003 e, em poucos dias, conseguiu resolver o problema da dívida do governo do Paraná com o Itaú, resultado da privatização do Banestado em 2000.

sábado, 17 de julho de 2010

“Capelinha... Aos Mestres com carinho”

(Carlos Rigonato)



Estrelas eu irei apontar com as letras
Aquelas que brilharam para me educar
Mas sozinho não conseguirei
O céu todinho observar
Quero então a ajuda
Para todos os Mestres homenagear

Convido aos que lerem esta
Que criemos outras tantas
Porque em verdade além de Mestres
São Estrelas, santos e santas
Eu falarei das minhas, cada um das suas
Tirar seus nomes de nossas gargantas


Vamos juntos contar estrelas?
Envie-nos os nomes do seu coração
Com ou sem rima e algum fato
Que lhe marcou ou não...
Será maravilhoso colocar aqui
Será dado crédito na publicação


O velho e bom Grupo Escolar
Do leite em pó com doce sabor
O perfume das canetas tinteiro
E dos lápis de cor
Aqueles guarda-pós branquinhos
Não havia dissabor


Estou agora observando o céu
A primeira estrela eu vou apontar
Começando pela “professorinha”
Dona Adélia, “a e i o u” a ensinar
Com suas doces mãos
Também me ensinou a contar


A segunda estrela que brilha
Quase nome de menina
Frações e dissertações
Ensinou de um jeito que fascina
Segundo ano primário
Querida Dona Lourdina


Só poderia ser minha mãe
Estrela do terceiro ano no Ana Rita
A ela quero referir-me
Como doce Mãe bendita
Sem dúvida sua força de mulher
Em seu coração, Deus habita


No quarto ano primário
Surgiu uma estrela oriental
Dona Mitue, elegante e linda
Ensinou-me concordância verbal
De seus lábios ouvi pela primeira vez
Sobre o Poder Municipal


Admissão, para o Ginásio
Quase um vestibular
Dona Therezinha coordenava
Para as provas aplicar
Professor Cléber sempre correndo
Matemática e Português as nos tomar


O encanto com o belo uniforme
Sapatos pretos, calça marinho
Camisa azul-clara no peito
GENE bordado com carinho
Foi quando comecei
A escrever meu próprio caminho


Nas cantinas fui encontrar
Dona Onofra no primário
Também estrelas importantes
Urânia e Fiori no secundário
Saciavam nossa fome
Do Saber sem abecedário


Ginásio Estadual
De Nova Esperança
Quase era um debut
Deixando de ser criança
Grêmio Estudantil Castro Alves
“Dos Escravos” uma bela herança


O grande corredor, quase um túnel
Pro futuro nos lançava
Imagens, sons, vultos... Tantos jovens
Alunos de quinta a oitava
O motorzão tão barulhento
Havia dias que parava


Astros então brilhavam demais
Um gentleman, Professor Admar
“My bonnie lies over the ocean”
Gostava de nos ensinar
No fusca bege com tia Mercedes
Apresentou-me por primeiro, o mar


Orientais sempre elegantes
Uma delas Dona Noriko
Tão simpática e amável
Igual sua irmã Mitiko
Pronunciar seus nomes
Com saudade sempre fico


Dona Ruth muito séria
Também era inspetora
Sua presença causava alvoroço
Até na supervisora
Imagine a alegria em tê-la
Em geografia como professora


As primeiras aulas de francês
José Horr nos ensinou
Fazer biquinho pra dizer
“Le Lion c’est le roi des animaux”
Mas ao dizer J’taimé pras meninas
Muita gente apanhou


Meneuchuk sempre de terno
Foi um grande professor
Alguns anos de trabalho
Tornou-se do Ginásio Diretor
Com certeza vieram dele
Palavras sociais... Muito clamor


Tradicional mestre de outrora
Sempre elegante na vestimenta
Apressado sempre surge
Na cadeira jamais se senta
Só posso estar falando
Do grande Raul Pimenta


Em desenho era grande mestre
Sempre acolhedor
Traços firmes em suas mãos
Revelou-se com esplendor
Passos apressados na sala
Saudoso Professor Castor


Uma saudade chega
Ao lembrar as aulas de História
Dona Luisa, parecia tão frágil
Mas ensinou-nos sem palmatória
Japonesinha tão doce
Ficará sempre na memória


Os encantos da língua portuguesa
Com Professor Lídio descobri
Nos livros da F.T.D.
Análise Sintática eu compreendi
Aquele cigarro na mão
Infelizmente também aprendi


Pra não falar somente de Gema
Grande mestra de português
Falarei também de Clara
Que foi mestra durante um mês
Duas parceiras perfeitas
Coincidência e sensatez


Uniforme agora, camisa branca
Escola Técnica Comercial
Grêmio Machado de Assis
“Memória Póstuma” Universal
Diretor Massahiro
Grande mestre oriental


Com Saturnino aprendi
A gostar de Matemática
De Professor Cláudio e Arquimedes
Contabilidade não foi problemática
João Hermachuck
Sempre uma aula diplomática


Só posso com um grande Mestre
Terminar esta poesia
Foi quem me ensinou a Fé consciente
Colocou-me Cristo por companhia
“Lá em cima” estaremos juntos
Teimoso, mas doce Padre Lauria

sexta-feira, 16 de julho de 2010

Palestra com Roberto Carlos Ramos - Pedagogia do Amor!




Aprenda a superar obstáculos e a encarar desafios de forma mais positiva
com as lições do contador de histórias e ex-menino de rua Roberto Carlos.

Roberto Carlos Ramos é uma exceção nas estatísticas brasileiras.
Viveu dos 6 aos 13 anos de idade longe da família como interno da Febem.
Analfabeto, usou drogas e roubou nas ruas de Belo Horizonte.

Teve 132 fugas registradas no seu prontuário e foi considerado "um caso irrecuperável".
Mas ao contrário do que acontece com milhões de crianças e adolescentes
em situação semelhante, não caiu na marginalidade.
Aos 13 anos foi adotado por uma francesa que se negou a acreditar
que uma criança como ele pudesse ser um caso perdido.

Com ela, Roberto aprendeu a ler e a escrever, a falar francês e,
principalmente, a dar e receber afeto. Aprendeu a ter auto-estima e autoconfiança.
Na França, descobriu a arte de contar histórias.
De volta ao Brasil, se formou em Pedagogia e acabou se tornando
o que ele mesmo define como o Embaixador do País das Maravilhas.

Roberto Carlos roda o Brasil de norte a sul e por países da Europa e das Américas contando histórias.

Mais informações sobre o contador de histórias acesse:
http://www.robertocarloscontahistoria.com/

É uma palestra voltada para você e sua família!

R$ 25,00 para Associados.
R$ 30,00 para Não Associados.

Convites na Acine!
Fone: 3252-4242 ou 3252-5423

quarta-feira, 14 de julho de 2010

"DOCE OLHAR".

Fonte: VIVACOLORINDOAVIDA.BLOGSPOT.COM

A HISTÓRIA DE UM PALHACINHO DEFICIENTE VISUAL, E TODA SUA ALEGRIA !

DOCE OLHAR


EM UM MUNDO COLORIDO
ONDE TUDO É FANTASIA
UM PALHAÇO SORRIDENTE
FAZ DA VIDA UMA ALEGRIA!
VESTIDO DE ARCO-ÍRIS
UM CHAPÉU CHEIO DE FLOR.
UM SAPATO AMARELO
UM SORRISO ENCANTADOR!
TEU SORRISO NÃO DESFAZ
ELE PULA SALTITANTE...
VIRA MIL CAMBALHOTAS
SEGUIDAS, NO MESMO INSTANTE!
ANDA NA CORDA BAMBA...
PULA NO PICADEIRO
FAZ NÚMEROS DE MAGIA
RÁPIDO! MUITO LIGEIRO!
AS CRIANÇAS DESLUMBRADAS
OLHAM TUDO SEM PISCAR,
COMO PODE UM PALHACINHO
SOZINHO TANTO APRONTAR?
E ESSE TAL PALHACINHO

TEM UM NOME ENCANTADOR...
RELUZINDO FEITO OURO
A PALAVRA "BEIJA FLOR"!
MAS ALI NINGUÉM PERCEBE
QUE EXISTE UM SEGREDO...
QUE JAMAIS O ENTRISTECE
E QUE NUNCA TEVE MEDO.
NESTE MUNDO ENCANTADO
ONDE TUDO É FANTASIA
APENAS ELE É CAPAZ DE VER
A VERDADEIRA ALEGRIA!
ELE PERCEBE NO TATO...
PELO AR A LIBERDADE
NADA IMPEDE ESTA ALEGRIA
E SER FELIZ DE VERDADE!
CANTAROLA COM O VENTO
UMA LINDA MELODIA
EM TEU ROSTO UM SORRISO
QUE A TODOS CONTAGIA!
APRENDEU QUE A ESCURIDÃO
É POSSÍVEL SE TRANSFORMAR...
EM CORES TÃO BRILHANTES
PARA A VIDA ALEGRAR!
E O BRILHO DESTAS CORES
É CAPAZ DE ILUMINAR...
TODO E QUALQUER CAMINHO
PARA QUEM QUER CAMINHAR.

MARIA CRISTINA VIEIRA

quarta-feira, 7 de julho de 2010

QUANTOS CANDIDATOS?

O Paraná tera:
07 candidatos a governador
07 candidatos a vice-governador
12 candidatos a senador
24 candidatos a suplente de senador
289 candidatos a deputado federal
583 candidatos a deputado estadual

terça-feira, 6 de julho de 2010

RESULTADO E METAS DO IDEB 2009

O que é o Ideb
O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) foi criado pelo Inep em 2007 e representa a iniciativa pioneira de reunir num só indicador dois conceitos igualmente importantes para a qualidade da educação: fluxo escolar e médias de desempenho nas avaliações.

NOVA ESPERANÇA alcançou a média 2009 para as 4º séries :4.9, acima da meta que havia sido projetada para o ano, porém ficou abaixo da média do Estado do Paraná que ficou em 5.4
Para alunos de 8ºsérie e 9º ano a média ficou em 4.1 e a meta que havia sido projetada era de 4.4, não alcançada a meta projetada, tambem não alcançou a média do Estado que ficou em 4.3

A DISPUTA PARA PRESIDENTE TERA 9 CANDIDATOS

A Campanha eleitoral 2010 começa oficialmente hoje. Ontem foi o último dia para registro das candidaturas.

Para presidente da República, são 9 candidatos –que vão gastar, juntos, R$ 463 milhões.

Os candidatos são: Dilma Rousseff (PT), Ivan Pinheiro (PCB), José Maria Eymael (PSDC), José Serra (PSDB), Levy Fidélix (PRTB), Marina Silva (PV), Rui Pimenta (PCO), Zé Maria (PSTU) e Plinio Sampaio (PSO

CUSTO DAS CAMPANHAS

Po: Edson Lima
A coligação “A União Faz Um Novo Amanhã”, que tem Osmar Dias como candidato a governador e a coligação “Novo Paraná” (Beto Richa) divulgaram ontem quanto pretendem gastar nas eleições deste ano.

Beto Richa prevê gastar R$ 27 milhões. Osmar Dias R$ 42 milhões.


O PSDB divulgou hoje que gastará R$ 180 milhões na campanha de José Serra a presidente. Isso representa 15% a mais do que o PT gastará com Dilma Rousseff –R$ 157 milhões.

É muita grana…

domingo, 4 de julho de 2010

Pancadaria começa com soco na cara de Requião

Fonte: RIGON.COM
Foi aberta a fase de pancadaria na política nativa, literalmente. Hoje o presidente do PPS esmurrou a cara do ex-governador e candidato ao Senador Roberto Requião. Foi no aeroporto de Campo Mourão, município onde acontece a festa do carneiro no buraco. A história foi assim. Requião desembarcou e no aeroporto havia um grupo do PSDB e PPS esperando por outro candidato, o Beto Richa. O ex-governador com seu linguajar nada refinado disse: “Quando eu era governador tinha um bando de prefeito me esperando, agora tem esses M..aqui”. Na sequência, debochado, saiu para cumprimentar alguns dos integrantes do grupo. O presidente do PPS se negou a estende a mão para Requião e disse “não cumprimento canalha”! Requião respondeu: você é um filha da…”. Antes de Requião terminar a frase Rubens acertou um soco na cara do moço que fez com que os óculos do ex-governador voassem longe. A turma do deixa disso entrou no meio da confusão para separar os dois e envitar o duelo. Agora há pouco por telefone Rubens Bueno se justificou, disse que não gosta de força bruta, mas “chega um ponto que não dá mais para suportar”.

sexta-feira, 2 de julho de 2010

FIM DA ENQUETE COMEÇO DE OUTRA

A ENQUETE QUE PERGUNTAVA: SE AS ELEIÇOES FOSSEM HOJE EM QUEM VOTARIA? E os resultados foram:
DILMA - PT 11 (12%)

SERRA - PSDB 28 (32%)

MARINA - PV 46 (54%)

A nova enquete pergunta: EM QUEM VOCE VOTARIA PARA GOVERNADOR?
BETO RICHA:
OSMAR DIAS

Vote você tambem.

GOSTEI DA MATERIA DO SISMUNE...

GALO SOFREDOR DA RADIO TÂMARA APARECE NA NET
O SISMUNE parabeniza toda a equipe da Rádio Comunitária pelo otimo trabalho feito ao longos destes anos. Sem dúvida mudou a hegemonia nos meios de comunicação de nossa cidade. Continuem sempre assim.

Equipe da Rádio Tâmara prova que o GALO do "Tâmara Notícias", é um GALO mesmo.

quarta-feira, 30 de junho de 2010

Arns é o vice de Beto Richa

A chapa de Beto Richa (PSDB) está completa. Os tucanos terão chapa majoritária pura, com o senador Flávio Arns (PSDB) como candidato a vice-governador.

Os deputados federais Gustavo Fruet (PSDB) e Ricardo Barros (PP) são os dois candidatos da coligação ao Senado.

PMDB indica Rocha Loures como vice de Osmar

O deputado federal Rodrigo Rocha Loures (PMDB) foi escolhido há pouco pelos caciques peemedebistas para compor como candidato a vice-governador a chapa encabeçada pelo senador Osmar Dias (PDT).

A escolha do filho do presidente da Federção das Indústrias do Paraná (FIEP) é estratégia. Richa Loures tem base eleitoral centrada em Curitiba, o mesmo reduto do adversário Beto Richa (PSDB).

“Pessuti impõe sua liderança e emplaca Rocha Loures como vice do Osmar”, comentou Roberto Requião (PMDB) pelo twitter.

terça-feira, 29 de junho de 2010

FUNCIONÁRIOS FICAM DE FOLGA NO DIA DO ANIVERSÁRIO

Sempre ouvi dizer que faltam colaboradores em varios setores do serviço publico para atender a população, me dizem que não conseguem atender a demanda pois existe uma déficit de funcionarios que com isso diminui a capacidade de atendimento.
Porem a realidade de uma das varias secretarias que temos em nosso municipio é bem diferente, pois em lugar de faltar devem estar sobrando funcionários, com isso os funcionários ganharam o direito de folgar no dia de seu aniversário. Tomara que essa lei pegue, mas espero também que essa norma não sobrecarregue o colega de trabalho e que isso não reflita no atendimento a população que geralmente é quem sofre quando falta funcionários ou quando um funcionário esta sobrecarregado de trabalho.
Mas fico feliz em saber que a demanda de falta de funcionário esta sendo sanada, com isso a população será bem assistida.

PREFEITA MALY PARTICIPA DA ESCOLINHA DE GOVERNO

Na manha desta terça feira (29/06/2010) a Prefeita Maly Benatti (PMDB) esteve acompanhando a Escola de Governo do Governador Orlando Pessuti ( PMDB) em Curtiba. Onde o Governador assinou uma ordem de serviço no valor de 70 milhoes de reais para recape asfaltico em 312 municipios do Paraná. Se Maly estava la acredita-se que Nova Esperança foi contemplada no pacote.

Vox Populi indica Dilma 5% à frente de Serra

Vox Populi indica Dilma 5% à frente de Serra
Pesquisa Vox Populi sobre a eleição presidencial indica que Dilma Rousseff (PT) tem 40% . José Serra (PSDB) tem 35%. Marina Silva (PV), 8%. A sondagem foi feita de 24 a 26 deste mês. A margem de erro de 1,8 ponto percentual.

Ônibus de trabalhadores bate em ambulância e 3 pessoas morrem // Duas ficam feridas em estado grave

Neste acidente que ocorreu ontem às 19 horas, na PR-492, trevo de acesso a Paranavaí, a colisão de um ônibus de trabalhadores da Construtora Manzotti, de Nova Esperança, e uma ambulância da Prefeitura de São Carlos do Ivaí, 3 pessoas que estavam na ambulância morreram e o motorista e uma mulher de 71 anos ficaram gravemente feridos. Essa senhora estava sendo trazida para Paranavaí com doença de certa gravidade e, com o acidente,a coisa piorou bastante.
A ambulância e o ônibus vinham no sentido Paranavaí, quando no trevo de acesso a Paranavaí, – entrando na cidade pelo Jardim São Jorge - a ambulância ultrapassou o ônibus e ao voltar à pista depois de contornar o trevo foi abalroada lateralmente pelo ônibus. O choque foi violento e, como conseqüência, houve 3 mortes no local : Alcimara Costa da Silva, 26 anos, e o marido de Alcimara , Ernesto José Oliveira, 44 anos, e a enfermeira Rose Pereira Martins, 48 anos. Raul Correia da Silva, 56 anos, motorista da ambulância, e a paciente, Maria Correia Oliveira, 71 anos, mãe de Ernesto, tiveram ferimentos graves e estão internados na Santa Casa de Paranavaí. No ônibus, conduzido por Nilton Cezar Motta, 35 anos, não houve feridos. A ocorrência foi atendida foi atendida pelo Sargento Erlan e soldados Valdinei e Donatti, da PRE.

segunda-feira, 28 de junho de 2010

Homem armado invade faculdade Uningá e dispara quatro vezes; um é ferido

A PM apreendeu a arma e verificou que quatro disparos foram efetuados, mas o ferimento pode ter sido causado por uma coronhada

Um homem armado invadiu a Uningá, em Maringá, por volta de 19 horas desta segunda-feira (28) e atirou pelo menos quatro vezes contra uma vítima. A ocorrência foi dentro de uma sala de aula lotada com pelo menos 40 alunos. Uma pessoa foi levada ao hospital com um ferimento na cabeça, mas ainda não se sabe se a vítima levou um tiro ou se o machucado foi causado por uma coronhada.

Não houve outros feridos entre os demais presentes.

Segundo informações da equipe de reportagem do Paraná TV, que foi ao local, a situação mobilizou várias viaturas da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros. A PM informou que alguns tiros podem ter falhado, mas os estudantes relataram ter ouvido os disparos.

A PM apreendeu a arma e verificou que quatro disparos foram efetuados. Um segurança da Uningá desarmou o atirador, que fugiu em seguida. Segundo informações preliminares, a vítima havia mexido com a mulher do atirador. Ela seria aluna e empregada da faculdade.

Após escândalo, MEC exclui Uningá do Prouni

Fonte: Gazeta do Povo

Decisão foi publicada nesta segunda-feira, no Diário Oficial da União. Novas bolsas não poderão ser concedidas a partir de agora. Quem já é bolsista, porém, não terá prejuízo

O Ministério da Educação (MEC) desvinculou a Faculdade Ingá (Uningá), envolvida em um escândalo de concessão de bolsas de estudo a alunas ricas, do Programa Universidade para Todos (Prouni). A decisão, tomada pela Secretaria de Educação Superior do MEC, foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) nesta segunda-feira (28).

De acordo com a assessoria de imprensa do MEC, nenhum aluno poderá receber bolsas de estudo na instituição a partir de agora. No entanto, os atuais 240 bolsistas poderão concluir os respectivos cursos normalmente. A Uningá tem prazo de dez dias para recorrer da decisão.

A medida é resultado do processo administrativo que o MEC abriu para apurar a concessão das bolsas, denunciada pelo Fantástico, em reportagem exibida no dia 2 de maio. A matéria mostrava que três alunas de classe alta, com carro e casa com piscina, eram beneficiadas pelo Prouni desde 2008.

As informações levantadas pelo MEC serão repassadas ao Ministério Público Federal e à Advocacia Geral da União, que decidirão sobre o ressarcimento do dinheiro das bolsas irregulares e responsabilização dos envolvidos.

Outro lado

O JM entrou em contato com a Uningá e foi informado de que o diretor administrativo, Paulo Barbosa, responsável por comentar o assunto, estava em reunião.

Entenda o caso
A matéria do Fantástico denunciou que três universitárias de classe alta de Maringá recebiam bolsas do Prouni desde 2008. Com a suspeita de irregularidade, o MEC instaurou um processo administrativo para apurar o caso, que culminou na desvinculação da faculdade. Segundo a reportagem, Belisa Stival, Camila Colombari Medeiros e Milena Lacerda Colombari deixaram de pagar, juntas, quase R$ 300 mil em mensalidades - cada aluno de medicina da Uningá paga R$ 3,2 mil por mês.

As alunas tinham, ainda, outro benefício: a chamada bolsa permanência. É uma espécie de mesada, de R$ 300 por mês. O dinheiro vai para a conta de alunos com bolsa integral de cursos que tenham seis horas ou mais de aulas por dia.

Elas tinham relações com a diretoria da Uningá. Belisa é filha de Ney Stival, o diretor de ensino da Uningá. Camila é filha de Vânea Colombari, coordenadora de cursos profissionalizantes. Milena é sobrinha de Vânea.

A faculdade cancelou o benefício de Belisa e Camila no dia 30 de abril, dois dias antes de a reportagem ser exibida. Já Milena pediu para deixar o Prouni no dia 4 de maio. Elas podem ainda ser alvo de processo criminal, já que a Polícia Federal investiga o caso.

quinta-feira, 24 de junho de 2010

Kaká Bad Boy Facts

Fonte UOL ESPORTES

Depois da expulsão no jogo contra a Costa do Marfim, o bom moço assumiu seu lado marrento, e vieram à tona histórias de sua vida que comprovam que ele é bad boy. Está circulando na Internet uma lista com os Kaká Facts, uma sátira com os famosos Chuck Norris Facts, que brincam com as façanhas e bravuras do ator norte-americano. Confira a lista abaixo e, se puder, contribua com mais clicando nos comentários.

- Numa festa de crianças Kaká comeu dois brigadeiros antes de ser cantado o parabéns.

- Kaká assistiu o horário eleitoral gratuito no mudo.

- Certa Vez Kaká saiu à noite em Milão no frio sem um casaco.

- Kaká já alugou um filme romântico e por engano veio um pornô dentro da caixinha. Ainda assim Kaká assistiu uma boa parte.

- Na juventude, a mãe de Kaká pediu pra ele comprar presunto e ele trouxe mortadela só pra sacanear.

- Kaká recebeu troco a mais em uma loja e não falou nada.

- Uma vez Kaká olhou pras pernas de uma mulher na rua.

- Em certa oportunidade, Kaká atirou num companheiro de time quando jogava Counter Strike.

- Kaká nunca deu boa noite pro Willian Bonner no final do Jornal Nacional.

- Quando criança, Kaká tocou a campainha do vizinho e saiu correndo.

- Kaká já ficou offline no MSN sem dar tchau para seus contatos.

- Kaká não precisou de pulserinha pra entrar no show do Restart.

- Kaká já tirou meleca do nariz e colou embaixo da carteira do colégio.

- Dirigindo, Kaká passou o outro dia no sinal amarelo.

- Kaká já foi dormir sem escovar os dentes.

- Kaká assistia o Cine Privé escondido dos pais.

- Kaká já atravessou a rua fora da faixa de pedestres.

- Kaká mentiu prá mãe dele que estava doente só pra não ir pra escola.

terça-feira, 22 de junho de 2010

A FORÇA DA NATUREZA!

Fonte: VIVA COLORINDO A VIDA

MAIS UMA MANHÃ CHUVOSA
BANHAVA TODA A FLORESTA...
OS BICHINHOS TODOS QUIETINHOS
NENHUM SINAL DE FESTA...
TODOS A REFLETIR...
PREOCUPADOS COM A NATUREZA
TEMIAM PELA SEGURANÇA
O QUE JÁ NÃO ERA UMA CERTEZA!

AS ÁRVORES ANTES TÃO FORTES
QUE CANTAROLAVAM COM O VENTO
HOJE TOMBAM TÃO FÁCIL !
UM VERDADEIRO LAMENTO.
BUSCAM COM TODA A FORÇA
SUAS RAIZES AGARRAREM
MAS APENAS TERRA FOFA
SÃO CAPAZES DE ENCONTRAREM.
UMA TERRA TÃO FERTIL!
ANTES DO HOMEM A TOCAR
AGORA APENAS UMA AREIA
COM O VENTO A ASSOPRAR.
E LÁ NO ALTO DA MONTANHA
ANTES TUDO TÃO COLORIDO
COM FLORES E BORBOLETAS...
SE HOUVE HOJE UM GEMIDO.
UM GEMIDO DE TRISTEZA !
DE VERDADEIRA SOLIDÃO.
UM MEDO PROVOCADO
PELO ESTRONDO DO TROVÃO.

ONTEM ENQUANTO CHOVIA...
COM RELÂMPAGOS E TROVOADAS
UMA LEOA SE OUVIA...
RUGINDO DESESPERADA!
NA LUTA PELA SOBREVIVÊNCIA
TENTAVA ELA PROTEGER
OS SEUS QUERIDOS FILHOTES
QUE ACABARAM DE NASCER.
NÃO TEVE TEMPO PRA NADA!
NADA ELA PODE FAZER
E VIU COM A ENCHURRADA
UM DELES DESAPARECER.
ONDE ESTARÁ AQUELA FORÇA
ONIPOTENTE DA NATUREZA ?
HOJE EM VEZ DE ALEGRIA
SÓ NOS TRANSMITE TRISTEZA!
E A CADA DIA UMA NOVA HISTÓRIA
JUNTO COM A CHUVA QUE CAI...
E UM PEDIDO DE SOCORRO
COM A ENCHURRADA SE VAI.
E OS BICHINHOS COMOVIDOS
SEM MUITO PODER FAZER
PROCURAM AMENIZAR A DOR
DAQUELES QUE VÊEM SOFRER.
MAS AINDA HÁ ESPERANÇA
HÁ UM BRILHO EM CADA OLHAR...
HÁ MUITO O QUE SE FAZER...
PARA QUEM QUER AJUDAR!
E PODER OUVIR NOVAMENTE
APENAS O BARULHO DE FESTA!
UM SOM DE PURA ALEGRIA
ECOANDO NA FLORESTA!

MARIA CRISTINA VIEIRA

obs:ESTA HISTÓRIA ESCREVI NUM DIA DE MUITA CHUVA ...LOGO QUE CHEGUEI DO TRABALHO, ME DEITEI NO SOFÁ, E LÁ FORA PARECIA QUE TUDO ACABARIA EM ÁGUA. MEU FILHO GABRIEL ESTAVA NO COMPUTADOR E PEDI QUE FOSSE DIGITANDO A HISTÓRIA QUE EU NARRAVA. A MAIS PURA REALIDADE DE MUITOS. ENFRENTANDO A DOR, O MEDO, O DESESPERO, A ESPERA, O VAZIO... APÓS PERDAS IRREPÁRÁVEIS EM VOSSAS VIDAS

A FORÇA DA NATUREZA!

Fonte: VIVA COLORINDO A VIDA

MAIS UMA MANHÃ CHUVOSA
BANHAVA TODA A FLORESTA...
OS BICHINHOS TODOS QUIETINHOS
NENHUM SINAL DE FESTA...
TODOS A REFLETIR...
PREOCUPADOS COM A NATUREZA
TEMIAM PELA SEGURANÇA
O QUE JÁ NÃO ERA UMA CERTEZA!

AS ÁRVORES ANTES TÃO FORTES
QUE CANTAROLAVAM COM O VENTO
HOJE TOMBAM TÃO FÁCIL !
UM VERDADEIRO LAMENTO.
BUSCAM COM TODA A FORÇA
SUAS RAIZES AGARRAREM
MAS APENAS TERRA FOFA
SÃO CAPAZES DE ENCONTRAREM.
UMA TERRA TÃO FERTIL!
ANTES DO HOMEM A TOCAR
AGORA APENAS UMA AREIA
COM O VENTO A ASSOPRAR.
E LÁ NO ALTO DA MONTANHA
ANTES TUDO TÃO COLORIDO
COM FLORES E BORBOLETAS...
SE HOUVE HOJE UM GEMIDO.
UM GEMIDO DE TRISTEZA !
DE VERDADEIRA SOLIDÃO.
UM MEDO PROVOCADO
PELO ESTRONDO DO TROVÃO.

ONTEM ENQUANTO CHOVIA...
COM RELÂMPAGOS E TROVOADAS
UMA LEOA SE OUVIA...
RUGINDO DESESPERADA!
NA LUTA PELA SOBREVIVÊNCIA
TENTAVA ELA PROTEGER
OS SEUS QUERIDOS FILHOTES
QUE ACABARAM DE NASCER.
NÃO TEVE TEMPO PRA NADA!
NADA ELA PODE FAZER
E VIU COM A ENCHURRADA
UM DELES DESAPARECER.
ONDE ESTARÁ AQUELA FORÇA
ONIPOTENTE DA NATUREZA ?
HOJE EM VEZ DE ALEGRIA
SÓ NOS TRANSMITE TRISTEZA!
E A CADA DIA UMA NOVA HISTÓRIA
JUNTO COM A CHUVA QUE CAI...
E UM PEDIDO DE SOCORRO
COM A ENCHURRADA SE VAI.
E OS BICHINHOS COMOVIDOS
SEM MUITO PODER FAZER
PROCURAM AMENIZAR A DOR
DAQUELES QUE VÊEM SOFRER.
MAS AINDA HÁ ESPERANÇA
HÁ UM BRILHO EM CADA OLHAR...
HÁ MUITO O QUE SE FAZER...
PARA QUEM QUER AJUDAR!
E PODER OUVIR NOVAMENTE
APENAS O BARULHO DE FESTA!
UM SOM DE PURA ALEGRIA
ECOANDO NA FLORESTA!

MARIA CRISTINA VIEIRA

obs:ESTA HISTÓRIA ESCREVI NUM DIA DE MUITA CHUVA ...LOGO QUE CHEGUEI DO TRABALHO, ME DEITEI NO SOFÁ, E LÁ FORA PARECIA QUE TUDO ACABARIA EM ÁGUA. MEU FILHO GABRIEL ESTAVA NO COMPUTADOR E PEDI QUE FOSSE DIGITANDO A HISTÓRIA QUE EU NARRAVA. A MAIS PURA REALIDADE DE MUITOS. ENFRENTANDO A DOR, O MEDO, O DESESPERO, A ESPERA, O VAZIO... APÓS PERDAS IRREPÁRÁVEIS EM VOSSAS VIDAS

segunda-feira, 21 de junho de 2010

Documento "secreto" mostra falhas graves no atendimento do SUS no Estado de SP

Fonte: UOL NOTICIAS

Mantida em sigilo da opinião pública há três meses, uma pesquisa realizada pela Secretaria Estadual de Saúde de São Paulo com os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) aponta problemas crônicos no atendimento aos pacientes nos hospitais paulistas, carências que fazem a espera por exames chegar a até seis meses, por exemplo, falhas nos procedimentos de parto e falta de vacinas em pontos de atendimento, para o estranhamento da própria secretaria.

Chamado “Pesquisa de Satisfação dos Usuários do SUS-SP”, o relatório obtido com exclusividade pelo UOL Notícias foi produzido com base em 350 mil respostas obtidas após o envio de cartas (veja abaixo) ou em telefonemas aos cidadãos atendidos em 2009 nas mais de 630 unidades que funcionam com recursos do SUS.


Espera por procedimentos chega a seis meses; gestantes não recebem anestesia
Entre os dados tabulados, destacam-se estatísticas alarmantes, como indicam especialistas ouvidos pelo UOL Notícias. Cerca de 30% dos entrevistados afirmaram, por exemplo, que demoraram até seis meses para fazer um procedimento de alta complexidade, como quimioterapia, hemodiálise ou cateterismo. Tais procedimentos, no caso de um paciente com razoável situação financeira, são feitos em instituições particulares imediatamente ou em poucos dias, com possibilidade de agendamento.

Outra conclusão do levantamento aponta que apenas 24% das grávidas que enfrentaram o trabalho de parto pelo SUS receberam anestesia raquidiana ou peridural, procedimentos que aliviam o sofrimento e que são considerados padrão às pacientes. A pesquisa mostra ainda que 14% tiveram seus filhos tomando apenas um “banho morno” para aliviar a dor (o levantamento não especifica o tipo de parto, natural ou cesárea). Veja a seguir a conclusão do relatório, de que há falhas nesse quesito:


Falta de vacina contradiz registros oficiais

A vacinação foi outro destaque negativo marcante na pesquisa. Cerca de 30% dos pais relataram falta de vacinas na unidade, “sempre”. Como alerta o próprio diagnóstico oficial, “esta resposta foi surpreendente, uma vez que no período da pesquisa não há registro de falta ou redução no estoque de vacinas do sistema público”.

Além disso, como mostram os dados tabulados pelo governo, 18,9% dos pais disseram que seus filhos não tomaram nenhuma vacina ao nascer, indo contra as normas do Programa de Imunização do Estado de São Paulo, que prevê pelo menos a oferta de vacinas contra a tuberculose. Como indica o levantamento, “trata-se de perda de oportunidade e falha no programa, demonstrando necessidade de reorientar e avaliar as maternidades”.



"Quadro é grave"
O UOL Notícias ouviu seis especialistas com experiência em atendimento médico e na análise da gestão pública da saúde para comentar os dados, a que somente tiveram acesso por meio desta reportagem. Todos foram unânimes em afirmar que o quadro é “grave”, apesar de alguns terem pedido para não serem identificados.

Paulo Eduardo Elias, professor de medicina preventiva da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP), afirma que os dados apenas confirmam que o sistema de saúde em São Paulo não dá a atenção devida aos pacientes. “Como mostram as informações sobre os procedimentos de parto, fica claro que o governo deixa as pessoas terem dor. É um problema grave. Não se importa muito com isso”, argumenta.
Para Álvaro Escrivão Júnior, professor e especialista em gestão hospitalar da Fundação Getúlio Vargas, a pesquisa revela a falta de recursos para o setor. “Quando se tem um sistema universal, que atende a todos, precisa ter dinheiro para manter o funcionamento do sistema. A pessoa precisa fazer exames imediatamente, não depois de seis meses”, diz.

Transparência

As falhas observadas pela pesquisa no atendimento do sistema de saúde de São Paulo, no entanto, não chamam tanto a atenção dos acadêmicos quanto a tentativa de esconder o levantamento da opinião pública.

A reportagem do UOL Notícias, em ligações telefônicas praticamente semanais, cobra a divulgação do relatório desde o começo de março. Na ocasião, o governo promoveu um evento em que premiou os melhores hospitais do Estado, segundo conclusões tiradas desta mesma pesquisa. No entanto, não divulgou quais seriam os piores estabelecimentos.

No primeiro contato com a Secretaria da Saúde de São Paulo, no dia 4 de março, a reportagem solicitou a íntegra do levantamento. O pedido foi ignorado. Pelo menos cinco recados em nome do UOL Notícias foram deixados a um dos chefes da assessoria de imprensa da secretaria, Vanderlei França. Nunca houve retorno. Além disso, a reportagem tentou conseguir o relatório com pelo menos cinco membros do Conselho Estadual de Saúde, órgão consultivo da secretaria que, em tese, deveria ser informado de tudo o que acontece no sistema de saúde estadual.

Até a sexta-feira (18), todos os conselheiros relataram não ter conseguido acesso aos dados. Tomás Patrício Smith-Howard, representante da Associação Paulista de Medicina, chegou inclusive a protocolar um pedido formal tentando obter as informações. Já esperava havia mais de dois meses. “Temos total interesse em saber o conteúdo da pesquisa, inclusive para conseguirmos analisar o sistema de saúde. Essa é a nossa função”, diz ele, que ficou sabendo do resultado do levantamento via UOL Notícias.

Pouco antes do fechamento desta reportagem, a secretaria incluiu os dados no site oficial do governo, apenas às 20h, sem aviso. Em resposta oficial enviada dias antes ao UOL Notícias e assinada pelo secretário Luiz Roberto Barradas Barata, a própria secretaria afirmava:


Claudio Weber Abramo, presidente da Transparência Brasil, classificou a situação como “trágica”. Segundo ele, é um “absurdo” uma pesquisa financiada com dinheiro público não ser divulgada. “É típico de São Paulo. Os recursos neste Estado são incompatíveis com a obscuridade do governo.”



Esclarecimento
A Secretaria Estadual de Saúde, após a publicação da reportagem, divulgou uma nota de esclarecimento nesta segunda-feira (21) em que afirma que o relatório completo "foi disponibilizado na íntegra no site da Secretaria de Estado da Saúde e está à disposição dos usuários SUS de toda a população de São Paulo para conferência e análise desde 11 de março de 2010."

Esta afirmação contraria o posicionamento da própria assessoria de imprensa do órgão, que há três meses, mesmo solicitada, não enviou tal documento para a reportagem, nem divulgou que o relatório estaria no ar no site da pasta. Alguns integrantes do Conselho Estadual de Saúde, aliás, só tomaram conhecimento dos dados na última sexta-feira, informados pelo próprio UOL Notícias.

A nota diz ainda que "a anestesia (raqui ou peridual) nas costas é aplicada apenas em caso de partos cesarianos e em alguns poucos partos normais, quando indicado pelo médico assistente. Como a grande maioria dos partos realizados no SUS são normais foram aplicados procedimentos como anestesia local, analgésico e banho morno, massagem ou exercício, não sendo sempre necessária a utilização da anestesia peridural".

A secretaria não comenta o fato de o próprio relatório afirmar que é necessária uma revisão dos procedimentos nesse quesito, classificado como "bastante falho".

Com relação à citação na matéria de falta de vacinas nas unidades de saúde, a secretaria esclarece que, com base nos dados do relatório, está entrando em contato com os municípios responsáveis pelas unidades de vacinação para descobrir se o problema é pontual ou há falha de distribuição em algumas localidades. Não há, segundo o órgão, informações no SUS de problemas recorrentes na distribuição de vacinas no Estado de São Paulo.

Em relação à demora para a realização do exame/procedimento de alta complexidade, a nota diz que "o relatório aponta que 96,6% dos usuários receberam o procedimento e que 63,8% dos usuários demoraram de 24 horas a 20 dias para receber o procedimento, sendo que 21,2% foram atendidos em 24 horas". Nenhum desses dados foi citado no texto da reportagem, que apenas aponta que, como indicam as tabelas, 29,3% dos pacientes demoram até 6 meses para serem atendidos.

A pasta esclarece ainda que "o objetivo da Pesquisa de Satisfação do Usuário do SUS é justamente mapear as dificuldades do SUS paulista e trabalhar para corrigi-los. É desta forma que a Secretaria de Estado da Saúde, em parceria com as secretarias municipais, está atuando."

Leia a íntegra da nota de esclarecimento da Secretaria de Saúde de São Paulo.

É descabida e tendenciosa a afirmação do UOL Notícias que o relatório da Pesquisa Satisfação dos Usuários SUS/São Paulo é “secreta”. O relatório completo, assim que concluído, foi disponibilizado na íntegra no site da Secretaria de Estado da Saúde e está à disposição dos usuários SUS de toda a população de São Paulo para conferência e análise desde 11 de março de 2010.



A informação disponibilizada na capa do UOL com o título “Pelo SUS, 76% dos partos são sem anestesia em SP” mostra total desconhecimento em relação ao assunto, como aponta o próprio relatório. A pesquisa mostra que 100% das usuárias que responderam a questão 7, referente aos procedimentos para aliviar a dor durante o trabalho de parto, tiveram algum tipo de analgesia para aliviar a dor.



A anestesia (raqui ou peridual) nas costas é aplicada apenas em caso de partos cesarianos e em alguns poucos partos normais, quando indicado pelo médico assistente. Como a grande maioria dos partos realizados no SUS são normais foram aplicados procedimentos como anestesia local, analgésico e banho morno, massagem ou exercício, não sendo sempre necessária a utilização da anestesia peridural.



Vale ressaltar ainda que 87% das mulheres que responderam a pesquisa avaliaram o atendimento dos profissionais (médicos, enfermeiros e outros) como excelente ou bom.



Com relação a citação na matéria de falta de vacinas nas unidades de saúde, a Secretaria esclarece que, com base nos dados do relatório, está entrando em contato com os municípios, responsável pelas unidades de vacinação, para descobrir se o problema é pontual ou há falha de distribuição em algumas localidades. Não há informações no SUS de problemas recorrentes na distribuição de vacinas no Estado de São Paulo.



Em relação a demora para a realização do exame/procedimento de alta complexidade, o relatório aponta que 96,6% dos usuários receberam o procedimento. A matéria é totalmente tendenciosa, pois o documento mostra que 63,8% dos usuários demoraram de 24 horas a 20 dias para receber o procedimento, sendo que 21,2% foram atendidos em 24 horas. Apenas 6,8% dos usuários foram atendidos após seis meses.



É preciso esclarecer ainda que o objetivo da Pesquisa de Satisfação do Usuário do SUS é justamente mapear as dificuldades do SUS paulista e trabalhar para corrigi-los. É desta forma que a Secretaria de Estado da Saúde, em parceria com as secretarias municipais, está atuando.

VOCÊ ACHA QUE NO PARANÁ É BEM DIFERENTE?
VOCÊ ACHA QUE EM NOVA ESPERANÇA TAMBEM É MUITO DIFERENTE DISSO?
FAÇA UMA PESQUISA IGUAL E DAI SE VERA O RESULTADO

sexta-feira, 18 de junho de 2010

JUSTIÇA - TJ determina abertura do “desvio do pedágio” em 10 dias

* José Antônio Costa - Jornal Noroeste

Em decisão proferida na segunda-feira, 14 de junho, o desembargador Leonel Cunha acatou o pedido feito pelo Ministério Público de Nova Esperança, através do promotor de justiça, dr. Nivaldo Bazoti pedindo a abertura da Estrada LK 002, popularmente conhecida como “Estrada Velha” ou “Rodovia do Café”, sendo utilizada também como desvio da praça de pedágio da Viapar em Pres. Castelo Branco.
Em maio deste ano o Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR) declarou inconstitucional a lei municipal que permitiu o bloqueio do desvio do pedágio da concessionária Viapar na rodovia BR-376, em Presidente Castelo Branco. Parte da Estrada Velha (LK-002) foi fechada pela prefeitura em agosto do ano passado.
Ainda em maio, o Ministério Público (MP) de Nova Esperança apresentou um pedido de Tutela Antecipada Incidental, pedindo que a justiça local determinasse ao prefeito de Presidente Castelo Branco, Valdomiro Canegundes de Souza (PDT), a abertura da Estrada.
O pedido foi negado, em conseqüência o promotor de justiça, dr. Nivaldo Bazoti apresentou ao Tribunal de Justiça uma reclamação em forma de recurso alegando que a justiça local foi contra a decisão do TJ.
Na fundamentação de sua decisão, o desembargador Leonel Cunha salienta “imponha ao município de Presidente Castelo Branco a adoção de medidas imediatas, talvez irreversíveis, no sentido de restaurar a estrada, é fato notório que a manutenção do óbice de tráfego naquela região implicaria em prejuízos aos cidadãos que dela fazem uso”.

INCONSTITUCIONAL:
Sobre a inconstitucionalidade da Lei Municipal nº 787/2009 de Presidente Castelo Branco o desembargador se pronunciou da seguinte forma “É que, consoante informou o Ministério Público, a estrada em questão existe há mais de 40 (quarenta) anos e desde então é utilizada por produtores rurais e outros cidadãos como acesso às suas propriedades e ainda, que a vala nela aberta impede qualquer tipo de passagem. A questão aqui, não é puramente afeta à existência de praças de pedágio e à construção clandestina de estradas secundárias para delas transpor. Trata-se de estrada há muito existente e de cujo acesso os moradores foram impedidos, com fundamento em lei reconhecidamente inconstitucional”, destacou o desembargador.

PENALIDADES
O Tribunal de Justiça do Paraná determina que o município de Presidente Castelo Branco providencie o fechamento da vala indevidamente aberta na Estrada Municipal LK 002, bem como a retirada das placas que obstam o acesso a ela.
A partir da publicação do acórdão no Diário Oficial, o município terá 10 (dez) dias para cumprir a decisão, a partir da qual será cominada multa de R$ 500,00 (quinhentos reais), por dia ao prefeito Valdomiro Canengundes de Souza (PDT), por dia de descumprimento.

quarta-feira, 16 de junho de 2010

Basílio Zanusso

fonte: Nova Esperança on line
As últimas noticias do mundo politico dão conta que Basilio Zanusso deve voltar ao cenario eleitoral.

As noticias tem chegado constantemente de Curitiba até seus correligionarios em todo o Paraná.

Zanusso que disputou sua ultima eleição em 2002 onde conguiu aproximadamente 34.000 mil votos. Com expressiva votação não conseguiu exito na legenda a que pertencia. Hoje filiado ao PPS, as chances de voltar a assembleia são palpaveis.

Experiente, conciliador, e um estilo mineiro de fazer politica, Zanusso deve alterar o quadro Regional dos votos nas eleições proporcionais. Tem uma densidade eleitoral muito grande, entre lideres, vereadores, prefeitos e ex-prefeito. A conveção está marcada para este sábado. Ta registrado, fecha o pano.

segunda-feira, 14 de junho de 2010

VIVA COLORINDO A VIDA

Na noite do ultimo domingo(13/06/2010) fui apresentado a um projeto muito interessante de uma Pedagoga que hoje excerce seu trabalho na área da saúde como Técnica em Enfermagem e Técnica em Estudo Urodinamico, esse projeto trata-se de um site onde a Pedagoga Maria Cristina Vieira tem levado aos internautas seus trabalhos, trabalhos esses que leva aos diveros espaços hospitalares, principalmente na area de pediatria, um pouco mais de humanização e de ajuda as pessoas que ali se encontram em uma situação de dor. Com o trabalho de Maria Cristina as pessoas atendidas nesses espaços sentem um pouco mais de alegria e vontade de viver.
Esse trabalho é chamado de Pegagia Hospitalar e o atendimento pedagógico em ambiente hospitalar é reconhecido pela legislação brasileira como direito da continuidade de escolarização aquelas crianças e adolescentes que se encontrem hospitalizados (CNDCA 1995).
Ao ler o site voce podera perceber que Maria Cristina sente amor pelo que faz e a frase que mais me chamou a atenção foi essa: MUITO BOM SABER QUE NÃO SOU A ÚNICA A SENTIR TAMANHA EMOÇÃO COM AS CORES E OS RABISCOS QUE DEIXO POR AÍ.
O site VIVA COLORINDO A VIDA faz parte de um dos projetos de Maria Cristina que além de Pedagoga, Técnica em Enfermagem e Técnica em Estudo Urodinamico tambem é escritora e têm escrito um livro de historinhas infantis para as crianças hospitalizadas, mostrando atráves de forma sutil e do jeito que criança gosta, que aquele problema pode ser encarado de uma forma “divertida” sem muito sofrimento. Com o site a Escritora quer arrecadar fundos para ver seu livro em breve publicado.
Acompanhe você também o trabalho desta profissional, e faça este sonho se tornar real.
http://vivacolorindoavida.webnode.com.br

Segue abaixo alguns dos seus trabalhos:


quarta-feira, 9 de junho de 2010

Colisão moto x caminhão deixa um motociclista morto em Nova Esperança

Fonte: Blog do Joaquim

No início da tarde desta terça-feira (8), na BR-376, Km-140, próximo ao Posto Rede Farol, em Nova Esperança, a colisão de um caminhão Ford Modelo A-140, placas AQT-1610, de Paranavaí, dirigido por Aparecido da Silva, com uma moto Honda KS-150, placas AMK-4815, de Nova Esperança, conduzida por Manoel Clementino da Silva, 44 anos, que veio a óbito no local.
0

terça-feira, 8 de junho de 2010

“O Paraná que queremos ” / Manifestação em Paranavaí será às 17h no Calçadão

Fonte: Blog do Joaquim de Paula
O movimento “O Paraná que Queremos” surgiu em apoio à iniciativa da OAB de mobilizar a sociedade para pedir transparência e ética do Poder Público.

A sociedade se organizou e o movimento ganha adesões diárias, em todo o estado do Paraná.

Vamos, juntos, exigir um novo Paraná !

segunda-feira, 7 de junho de 2010

Policiais Militares de Nova Esperança apreendem contrabando de cigarros

Nesta segunda-feira (7), por volta das 00h30min, na BR 376, em Nova Esperança, Policiais Militares da 3ª Companhia realizaram acompanhamento tático ao veiculo Fiat/Doblô, placas de Belo Horizonte-MG, o qual foi abordado já na cidade de Paranacity com o apoio da equipe daquele Destacamento, onde foi constatado que o mesmo estava carregado com 1.542 maços de cigarros oriundos do Paraguai, sendo que o veículo era conduzido por Leo Moreira Melo dos Santos, de 35 anos, residente na cidade Ocidental-GO e tinha como acompanhante Maria de Fátima Batista, de 48 anos, residente no Distrito Federal.

O referido veículo com a carga de contrabando e seus ocupantes, foram encaminhados para Receita Federal e posteriormente para Delegacia de Policia Federal de Maringá para as providências.

Comunicação Social do 8º BPM